PONTOS-GATILHO E A MASSAGEM

Hoje falarei dos famosos e doloridos pontos-gatilho (Trigger points) que se formam em nossos músculos ou por tensão muscular como sobrecarga ou movimento repetitivo ou alongamento excessivo repentino.

O que é um ponto-gatilho? É um ponto encontrado no formato de um nódulo, dentro de uma faixa rígida de tecido muscular extremamente dolorido, que se refere ou irradia a dor em um padrão característico.

Como essa dor ocorre? Em termos fisiológico, haverá diminuição da circulação sanguínea no local e uma consequente redução de nutrição celular; além do acúmulo dos resíduos provenientes do metabolismo celular, ocasionando um aumento do ácido lático e acometendo inflamação na área, que, por estar cheia de toxinas, ocorre dor ao toque.

Quais os tipos de ponto-gatilho? O ponto-gatilho ativo produz a dor referida de forma espontânea e o ponto-gatilho latente produz dor apenas quando a pressão é aplicada durante a palpação.

Quais são os principais músculos afetados? São os do pescoço, cintura escapular, lombar e cintura pélvica.

Como a massagem pode ajudar? Inibição e compressão isquêmica e massagem profunda nos músculos acometidos.

Outra técnica que pode complementar o tratamento é a utilização de ventosas. Mas isto, fica para outro post.

Siga

  • Cintia Ulhoa Facebook
  • cintiaulhoaterapia

​© Por Cintia Ulhoa.